Fórum baseado na saudades


    Prólogo de Solomon

    Compartilhe
    avatar
    Solomon de Câncer
    Novato(a)
    Novato(a)

    Mensagens : 13
    Data de inscrição : 18/11/2016
    Idade : 17
    Localização : São Paulo

    Ficha do personagem
    Vida:
    1000/1000  (1000/1000)
    Cosmo:
    1000/1000  (1000/1000)
    Nível: 2

    Prólogo de Solomon

    Mensagem por Solomon de Câncer em 26/11/2016, 23:15



    Briga de Rua

    As luzes artificiais clareavam as ruas da cidade, o frio era quase insuportável e a chuva caia dos céus como se um novo dilúvio estivesse para acontecer.
    Ali presente perto há uma esquina, vestindo um sobretudo, um cachecol que cobria metade da face e um chapéu, estava eu e em minhas mãos, um guarda-chuva que no momento não estava adiantando nada.

    Já se faziam quase meia-hora que eu estava caminhando até que decidi parar em um tradicional Pub londrino, adentrei o local como discretamente, me aproximei do balcão e me sentei esperando o atendente, em quanto o mesmo não me atendia, aproveitei e observei com mais calma o local, até que bonito, podia se notar que o dono era um grande fã de futebol, nas paredes, várias imagens do Manchester United, sem demorar muito me dei conta de que o atendente estava já aguardando meu pedido - Apenas uma cerveja, por favor. - Falei em um tom de voz calmo.

    Não demorou muito para que ele trouxesse meu pedido, e, após, terminar de beber, olhei pela janela e percebi que a chuva havia diminuível, porém ainda não havia cessado, pois então, resolvi me juntar há algumas pessoas em uma mesa de sinuca.

    Em volta da mesa de jogatina, haviam algumas mulheres e homens, não demorei muito para me entrosar e quando percebi já estava "familiarizado". Depois de um tempo, para minha surpresa, descobri que o dono do Pub também se fazia presente ali jogando, o mesmo havia gostado de mim, por isso até pagou mais algumas rodadas por conta da casa.
    Já estavam todos meio bêbados, com exceção á mim, é claro, pois sempre fui resistente ao álcool, assim então decidi me retirar do local, até que o dono, cujo seu nome era Henry, veio até mim - Hora, já vai? fique conosco, se quiser dormir em minha casa, aliás, todos estão convidados - Falou o homem de porte físico robusto.

    Sem dar muita importância às ofertas propostas, peguei meu sobretudo e o vesti, em seguida me dirigi ao velho homem e falei - Não, obrigado - Porém, insistente, o homem voltou a falar - Porque não?  Amanha é dia de futebol, vamos assistir o jogo dos Diabos vermelhos! - Parei por um instante, em seguida me dirigi ao velho senhor com um tom sarcástico - Um londrino torcendo para um time de Manchester? O senhor não deveria torcer... Vejamos... Pelo Chelsea? haha, não mesmo... Adeus - Embora eu estivesse brincando, Henry não achava o mesmo e então irritado, perguntou - E você, da onde é? Garoto idiota! - Olhando fixamente para os olhos de Henry, falei alto e claro - Nova York, Estados Unidos... - Eu deveria ter mentido, pois além de revoltados, aqueles ingleses eram xenófobos e odiavam americanos, pois assim, não demorou que se juntassem e partissem para cima de mim, porém mal sabiam eles o erro que haviam cometido, geralmente não utilizava minhas habilidades contra seres comuns, mas a situação era necessária, já que se tratava de 8 contra 1.

    Não demorou muito, e quando percebi, todos aqueles ingleses estavam no chão. Dei uma ultima olhada no local, e vi que em uma mesa no canto, apenas observando, estava um homem vestindo uma jaqueta de couro preta, ele se aproximou de mim e me entregou um papel que indicava um certo endereço - Você luta bem, mas gostaria de ver você daqui uma semana na Kill Brother's mostrando que pode fazer mais... O que me diz? Além disso, se você fazer uma luta, pode ganhar até 90.000£ - Disse ele me estendendo a mão, porém virei as costas e saí andando - Obrigado, mas eu não dou a mínima para esse clube de lutas... - Falei me retirando daquele Pub que agora fedia vômito.
    avatar
    Lawliet
    Administrador
    Administrador

    Mensagens : 123
    Data de inscrição : 18/11/2016
    Idade : 20
    Localização : Rio de Janeiro

    Ficha do personagem
    Vida:
    1000/1000  (1000/1000)
    Cosmo:
    1000/1000  (1000/1000)
    Nível: 1

    Re: Prólogo de Solomon

    Mensagem por Lawliet em 26/11/2016, 23:36

    Bom início:
    +200 pontos de experiência.
    avatar
    Solomon de Câncer
    Novato(a)
    Novato(a)

    Mensagens : 13
    Data de inscrição : 18/11/2016
    Idade : 17
    Localização : São Paulo

    Ficha do personagem
    Vida:
    1000/1000  (1000/1000)
    Cosmo:
    1000/1000  (1000/1000)
    Nível: 2

    Re: Prólogo de Solomon

    Mensagem por Solomon de Câncer em 29/11/2016, 00:02



    Brigas de Rua - Capítulo II: A necessidade e o combate

    Haviam se passado alguns dias desde a briga no Pub e minha situação havia se tornado grave, pois, Henry, o dono do Pub, havia me processado por agressão física e por danos em seu estabelecimento. Sem dinheiro para pagar a dívida minha unica opção foi vender minha casa.

    Mesmo a vendendo, faltava ainda uma parte e sem pode pagar acabei sendo preso, fui enviado à um presidio em Southampton, porém a pena não fora tão grande, assim então acabei ficando apenas 3 meses.

    Depois daquele curto, porém entediante período, saí da prisão e agora sem rumo algum, procurava uma nova moradia, mas os preços não cabiam em meu orçamento, por isso, vaguei por diversos lugares até resolver começar a realizar sessões de comunicação espiritual e em uma dessas sessões, uma velha senhora, após gostar muito do resultado, me ofereceu uma moradia.

    A casa daquela senhora, cujo se chamava Anne, não era grande e nem luxuosa, porém era confortável e eu me sentia bem ali, mesmo sabendo que não poderia ficar para sempre. Foi aí que mexendo em algumas roupas achei o papel que aquele homem havia me dado no dia da briga no bar e com isso me lembrei que se eu ganhasse o torneio conseguiria noventa mil libras, o que já era o suficiente para ter um "re-começo".

    Foi de madrugada quando deixei a casa de Anne, sem muita opção vaguei de mente e coração vazio até a Kill's Brother, onde chegando pude ver que era um enorme galpão que ficava um pouco afastado da cidade.

    Ao adentrar, logo de cara me encontrei com o mesmo homem daquele dia, com um pouco de conversa, descobri que seu nome era Victor e que o mesmo não era rancoroso, pois me recebeu de braços abertos e logo me encaixou em uma das lutas daquela noite.

    - Hoje você vai lutar só uma vez, se ganhar, pode voltar aqui amanhã, mas se perder, não quero vê-lo nunca mais aqui.
    - Falou Victor em quanto eu subia a plataforma e ao mesmo tempo conhecia meu oponente. O nome dele era Josh, um homem alto, gordo e principalmente forte.

    Começamos a lutar e surpreendentemente Josh me acertou com um poderoso soco que fez com que eu caísse no chão, porém me levantei e o ataquei com uma sequencia de chutes, que pareciam não surgir efeito. Josh, sem perder a chance me segurou pelo pescoço e me arremessou brutalmente contra o chão, em seguida, segurou meu braço e me jogou para fora da plataforma, e, com a queda bati a cabeça e desmaiei, porém antes de perder a consciência, olhei para Josh e vi que uma energia anormal saia de seu corpo.

    Algumas horas depois acordei na calçada da casa de Anne, porém aquilo não era um fim, eu iria voltar e iria conseguir derrotar Josh.
    avatar
    Aerith de Dríade
    Novato(a)
    Novato(a)

    Mensagens : 21
    Data de inscrição : 18/11/2016

    Ficha do personagem
    Vida:
    1000/1000  (1000/1000)
    Cosmo:
    1000/1000  (1000/1000)
    Nível: 1

    Re: Prólogo de Solomon

    Mensagem por Aerith de Dríade em 29/11/2016, 03:17

    Para manter toda a emoção de uma luta, sempre vale a pena vermos falas e até mesmo enaltecemos os nossos personagens com o nosso senso de justiça não é mesmo? Houve muita introdução - bem escritas concordo - porém pouco aprofundamento na luta.

    +150 pontos de experiência. 
    avatar
    Solomon de Câncer
    Novato(a)
    Novato(a)

    Mensagens : 13
    Data de inscrição : 18/11/2016
    Idade : 17
    Localização : São Paulo

    Ficha do personagem
    Vida:
    1000/1000  (1000/1000)
    Cosmo:
    1000/1000  (1000/1000)
    Nível: 2

    Re: Prólogo de Solomon

    Mensagem por Solomon de Câncer em 29/11/2016, 09:46


    I feel stupid







    Brigas de Rua - Capítulo III: Nova Chance  

    Haviam se passado três dias desde o ocorrido, além de machucado eu estava completamente envergonhado pelo fato de ter decepcionado Anne, cujo a mesma me dera moradia, alimento e até vestimentas, e eu iria retribuir desta forma? Causando prejuízos e se metendo em brigas? Realmente fora muito difícil olhar aquele rosto velho, pálido e levemente enrugado, pois a vergonha e o peso da consciência me atormentavam.

    Já tinham se passado mais alguns dias, e então decidi começar a procurar algo para me "distrair" e a melhor opção foi uma academia que ensinava boxe. Me inscrevi e o professor, cujo nome era Jackson, havia dito que eu poderia iniciar no dia seguinte.

    Na manhã de terça-feira, vesti meu moletom e fui para a academia onde comecei a treinar, porém a cada soco que eu dava naquele saco de areia, mais lembranças vinham em minha mente e todas elas eram referentes ao dia que fui nocauteado por Josh.

    Algumas semanas haviam se passado, eu estava melhor e mais forte, porém nem tudo estava indo bem com Anne, algumas dívidas feitas por seu marido já falecido estavam chegando cada dia mais e mais, e sem dinheiro para pagar ela teria que dar sua casa.

    E foi aí que tomei uma decisão importante: Resolvi voltar ao torneio para lutar pelas noventa mil libras. Voltei então até a Kill's Brother e lá pude ver que todos olhavam e me zombavam.

    Andei um pouco e consegui encontrar Victor, o mesmo estava furioso comigo: - Como você tem coragem de colocar os pés aqui na KB novamente? Você não tem medo de morrer seu desgraçado! - Disse ele quase me atacando, porém ainda calmo, olhei em seus olhos e e comecei a falar: - Sei Victor, porém eu preciso do dinheiro, me deixe lutar com Josh novamente, se eu perder, eu que darei 90 mil libras, não, ou melhor, darei 180 mil libras ao vencedor! - Eu não tinha aquela quantia, porém era minha unica chance de entrar novamente no torneio. Após pensar um pouco, Victor estendeu a mão para mim e falou: - Ok garoto, mas saiba que você não vai enfrentar Josh diretamente, ele vai ser seu oponente final, caso chegue lá - soltou uma leve risada sarcástica - Enfim, é isso, espero que tenha o dinheiro! - Após dizer isso, ele se virou e mostrou o caminho da plataforma, e, de braços cruzados, um novo oponente me esperava, era um homem alto, moreno e bem musculoso chamado Julius.

    Entrei naquele ringue e observei meu oponente que se gabava: - Esse frango vai lutar comigo? Você está fodido garoto! - Falou em quanto ria.
    Não falei nada, apenas me concentrei ao sinal de inicio, e quando o juiz deu como aberto o combate, não exitei, corri contra Julius e dei um soco em seu estomago que fez com que fosse jogado para trás, em seguida iniciei uma sequencia de chutes em partes aleatórias de seu corpo, porém o mesmo conseguiu se defender e em seguida acertou um gancho de esquerda que me fez cair - Você é louco de encostar em mim? Você morrer seu filho da puta!
    Em seguida Julius tentou me agarrar pelo pescoço, porém fui mais rápido e acertei um soco em seu olho esquerdo: - Você fala de mais seu babaca! Devia falar menos palavrão também! - Em seguida segurei o braço de Julius e o arremessei no chão com um golpe de judo.
    - Engole minha mão agora! - Falei em quanto finalizava com um soco sobre a face de meu oponente que fazia com que o mesmo desmaiasse.

    Levantei-me e sai da plataforma, em seguida conversei com Victor e minha próxima luta seria no dia seguinte.










    avatar
    Aerith de Dríade
    Novato(a)
    Novato(a)

    Mensagens : 21
    Data de inscrição : 18/11/2016

    Ficha do personagem
    Vida:
    1000/1000  (1000/1000)
    Cosmo:
    1000/1000  (1000/1000)
    Nível: 1

    Re: Prólogo de Solomon

    Mensagem por Aerith de Dríade em 1/12/2016, 19:03

    +150 pontos de experiência. 
    avatar
    Solomon de Câncer
    Novato(a)
    Novato(a)

    Mensagens : 13
    Data de inscrição : 18/11/2016
    Idade : 17
    Localização : São Paulo

    Ficha do personagem
    Vida:
    1000/1000  (1000/1000)
    Cosmo:
    1000/1000  (1000/1000)
    Nível: 2

    Re: Prólogo de Solomon

    Mensagem por Solomon de Câncer em 7/12/2016, 22:07


    FUCK OFF







    Brigas de Rua - Capítulo IV: Mais Um Dia  

    Passou-se um dia após minha vitória no KB e meu objetivo era continuar derrotando os diversos oponentes até chegar em meu alvo, cujo chamava-se Josh.
    Não era questão apenas de derrota-lo apenas pelo dinheiro, mas também para recuperar a minha dignidade que fora arrancada de mim no dia que fui nocauteado. Alguns pesadelos me assombravam desde então, e, todos seguiam o mesmo roteiro que mostravam minha derrota no ringue.

    Eram quatro horas da manhã quando acordei sufocado e suado, meus olhos estavam arregalados e minha expressão era de pavor. Levantei-me de minha cama e caminhei até a cozinha com a intenção de beber um pouco de água, porém, para minha desagradável surpresa, a cozinha foi onde me deparei com o cadáver da senhorita Anne, um corpo seco, frio e duro estendido pelo chão da cozinha, a expressão daquela velha senhora viria a se cravar em minha mente, era um rosto alvo como a neve preenchido pela expressão de pânico.

    Passando-se algumas horas, finalmente pude saber a causa da morte de Anne e para minha surpresa o coração dela havia parado de funcionar. Foi uma tarde difícil, pois não fora tão simples suportar a angustia e a tristeza nos olhares de cada parente da velha senhora ali naquele velório. Não demorou muito para me retirar, fui direto ao KB onde seria realizada minha luta.

    Ao chegar na sede, logo me encontrei com Victor, que me abraçou: - meus pêsames garoto, vai ficar tudo bem... Não deixa que a morte dela te abale, aliás, seu próximo oponente o espera - Falou em quanto me empurrava para a plataforma, porém uma dúvida surgia em minha cabeça e essa era: "Como ele sabe da morte de Anne?", embora intrigante, aquilo era pra se resolver depois, pois minha luta haveria de se iniciar.

    Meu oponente era um jovem irlandês ruivo de porte físico surpreendentemente robusto, seu nome era Harry: - Espero que esteja pronto garotinha! - Zombou de mim. Embora quisesse falar boas e pouca àquele ruivo, me mantive em silêncio, apenas serrei meus punhos e dei inicio ao combate. Tentei soca-lo em seu estomago, porém ele desviou e acabou acertando um soco em meu peito que fez com que eu fosse levemente lançado para trás, porém persisti e ataquei-o com um chute, mas segurando minha perna, Harry, logo desferiu outro soco, só que agora em meu rosto, todavia continuei atacando-o, mas nada adiantava até que fui acertado com um poderoso gancho de esquerda que fez com que eu caísse: - O que foi, parece até que você não aguenta uns soquinhos? Oque foi parece abatido, até parece que alguém de sua família... Morreu hahaha.... - Falou em quanto se aproximava buscando finalizar a luta. Embora ainda abalado, aquelas palavras de Harry serviram como motivação para mim, naquela hora um ódio subiu por mim, então antes que o ruivo pudesse acabar comigo, levantei-me e acertei um chute em sua cabeça, que fez com que o mesmo caísse desmaiado no ringue, e, por um momento de insanidade, pulei sobre Harry e em quanto esmurrava sua face, gritei loucamente, até que fui parado por outros lutadores que me seguraram e tiraram daquela plataforma.

    Depois de me acalmar, fui para casa, onde uma carta estava sobre a mesa, nela estava o testamente de Anne, cujo deixava para mim sua casa e outros pertences que estavam localizados em Liverpool, na casa de sua irmã, Amanda. Aquilo me alegrou me trazendo algumas lembranças, como a de meu primeiro dia na casa até o momento mais atual.

    Depois de ler a carta, recebi um telefonema, era Victor, dizendo que eu havia passado para a próxima fase, porém a luta só seria realizada duas semanas depois, o que me daria tempo de ir para Liverpool ver quais outros pertences Anne havia deixado para mim.


                             









    avatar
    Lawliet
    Administrador
    Administrador

    Mensagens : 123
    Data de inscrição : 18/11/2016
    Idade : 20
    Localização : Rio de Janeiro

    Ficha do personagem
    Vida:
    1000/1000  (1000/1000)
    Cosmo:
    1000/1000  (1000/1000)
    Nível: 1

    Re: Prólogo de Solomon

    Mensagem por Lawliet em 7/12/2016, 22:22


    + 150 Pontos de experiência.

    Conteúdo patrocinado

    Re: Prólogo de Solomon

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: 22/6/2017, 15:17